Flamengo vence o Palmeiras 2 vezes e conquista mais um título nacional

Flamengo faz festa no Kleber Andrade pela conquista do inédito título de campeão brasileiro sub-20 (Foto: Globo Esporte)

Campeão por antecipação, o Flamengo não tinha muito o que provar no duelo com o Palmeiras, neste domingo, em São Paulo. Até porque, um pouco antes, o Urubu aplicava um inquestionável 3 x 0 no Porco, pela final do Brasileiro Sub-20. Com resultado, o Flamengo fechou o ano com títulos de campeão nacional em todas as categorias do futebol: Sub-17, Sub-20, Feminino e Série A. 

Após perder o primeiro jogo por 1 x 0, o Rubro-Negro bateu o Palmeiras por 3 a 0, no estádio Kleber Andrade, em Cariacica, na tarde de ontem e unificou os títulos nacionais da temporada. 

Mesmo sem precisar provar nada, no profissional o Flamengo também não deixou por menos: 3 x 1, com dois gols de Gabigol e um de Arrascaeta.  

O Rubro-Negro tomou conta do jogo desde o início. Colocou a bola no chão e envolveu o Palmeiras sem dificuldades. O primeiro gol foi um grande símbolo da partida. O time saiu do campo de defesa, foi ao ataque, voltou e retornou ao campo do Palmeiras, até Gabigol sair na cara do gol e servir Arrascaeta, que só empurrou para a rede, aos quatro minutos. Ao todo, 32 trocas de passe sem que o adversário encostasse na bola. 

A equipe não baixou o ritmo, apesar da vantagem, e fez o goleiro Jailton trabalhar bastante. No segundo gol, Arrascaeta retribuiu a assistência e deu para Gabigol marcar em chute cruzado. Na volta do segundo tempo, a marcação alta na saída de bola palmeirense deu certo. Vitor Hugo vacilou, a bola bateu em Gerson e sobrou para Gabigol fazer mais um, seu 24º no Brasileiro. 

“Na palestra antes dos jogos, falamos em tática e muito em jogar “à Flamengo”. Ainda temos motivação, muita motivação, para chegar nas marcas. Isso faz com que a equipe continue com adrenalina, motivação, mesmo já sendo campeão”, disse Jorge Jesus. 

Gabigol marcou mais dois ontem e, agora, tem 24 gols na artilharia do Brasileirão (Foto: Marco Riboli/Globo Esporte)

No segundo tempo, por questões físicas o Flamengo acabou diminuindo um pouco o ritmo e trouxe o Palmeiras para dentro do seu campo. Bruno Henrique já tinha saído no intervalo por causa de dores musculares. Gerson e Gabigol se queixaram de dores, mas tiveram que continuar até o fim porque Jesus já havia feito todas as alterações permitidas.

A pressão nos minutos finais feita pelo Palmeiras resultou no gol de Matheus Fernandes, aos 38, após cruzamento rasteiro de Dudu entre os zagueiros do Flamengo. Depois, o Rubro-Negro apenas administrou até o fim da partida.

Foi um ótimo “treino” para o Fla, de olho na disputa do Mundial de Clubes. Nos próximos dois jogos que ainda faz no Brasileiro, contra o Avaí, no Maracanã, e Santos, na Vila Belmiro, a missão rubro-negra é não deixar o ritmo cair e buscar ainda mais recordes.

SUPERCOPA DO BRASIL SUB-20

Flamengo e Palmeiras vão se enfrentar novamente em breve pela Supercopa do Brasil Sub-20. O Flamengo, como campeão brasileiro da categoria, e o Palmeiras, como campeão da Copa do Brasil.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Ocontestado com informações Globoesporte

Facebook Comentários